Política Externa

Política Externa Brasil-Uruguai

Ana Letícia Palacio Hortolani

O Brasil é um dos principais parceiros do Uruguai. A cooperação entre os dois países vai além do campo político e econômico e sua integração contribui para o desenvolvimento socioeconômico de ambos, além de fortalecer suas posições no âmbito multilateral como no MERCOSUL e na UNASUL.

As relações entre o Uruguai e o Brasil possuem vínculo histórico, tendo sido iniciadas em 1828 quando foi assinado, no Rio de Janeiro, a Convenção de Paz que formalizava a Independência do Uruguai. Posteriormente, em 1830, após a ratificação pelo Brasil e Argentina, é aprovada oficialmente a Constituição uruguaia.

Em relação ás trocas comerciais, os principais produtos exportados do Brasil para o Uruguai são: as carnes suínas, os óleos brutos de petróleo e os automóveis (dados de 2014). E os principais produtos importados do Uruguai são: o trigo, as embalagens plásticas e alguns produtos automobilísticos.

A existência dessas relações comerciais facilita ainda mais a integração entre os dois países. Durante o governo da Presidente Dilma Roussef foi criado o “Grupo de Alto Nível Brasil-Uruguai (GAN), que tem o objetivo de aprofundar a relação bilateral a partir da divisão em seis subgrupos (cada um com uma área específicas e estratégicas a fim de formular projetos para uma maior desenvolvimento dessas áreas), tais como: 1) integração produtiva; 2) ciência, tecnologia e inovação; 3) comunicação e informação; 4) integração da infraestrutura de transportes; 5) livre circulação de bens e serviços e; 6) livre circulação de pessoas.

A questão da fronteira entre o Brasil e o Uruguai é um assunto muito importante para a relação bilateral, tendo sido desenvolvido a “Nova Agenda de Cooperação e Desenvolvimento Fronteiriço Brasil-Uruguai com o objetivo de buscar atender as necessidades da população que vive nessa região fronteiriça.

Em março de 2017, ocorreu uma reunião entre o secretário-executivo brasileiro do Ministério da Industria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Jorge de Lima, juntamente com os embaixadores do Brasil e do Uruguai, que discutia temas de interesse nas relações comerciais de ambos estados. Marcos Jorge destacou o interesse do Brasil em ampliar o diálogo comercial com o Uruguai, assim como ativar mecanismos de agenda como o GAN. Em 2016, a troca comercial entre os países gerou cerca de US$ 4 bilhões, e o Uruguai encontra se como o 15º destino de exportações brasileiras.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s