Informações básicas

Moçambique – Informações Básicas

Felipe Rafael Alves Matos

Em meados de 1500 com o intuito de dominar o acesso às zonas produtoras do ouro, os portugueses colonizaram Moçambique, conquistarem a Ilha de Moçambique e a cidade de Sofala posteriormente Sena e Quelimane. Apenas em 1964, começou um movimento contra o governo português, e em 1975 Moçambique se tornou independente de Portugal.

Localizado no continente africano, fazendo fronteira com Suazilândia ao sul, com a África do Sul ao sudoeste com o Zimbabwe a oeste com Zâmbia e Malawi a noroeste, com a Tanzânia ao norte e com o Oceano Índico a leste.

A República de Moçambique, tem uma extensão territorial de 801. 590 km² (PORTAL DO GOVERNO, 2007), uma população de 27,98 milhões (BANCO MUNDIAL, 2015) um PIB de U$14.81 bilhões (BANCO MUNDIAL, 2015) e uma inflação de 19% (BANCO MUNDIAL, 2016).

Moçambique é divido em 11 províncias e sua capital é a cidade de Maputo, seu sistema político é a democracia multipartidária, os poderes são separados entre legislativo, executivo e judiciário.

O Estado de Moçambique é a 97º maior economia de exportação no mundo. Em 2015, Moçambique exportou US $ 6,06 Bilhões e importou US $ 8,93 Bilhões, resultando em um saldo comercial positivo de US $ 2,87 Bilhões.

Os principais parceiros de exportação de Moçambique são: África do Sul ($1,09 Bilhões), a Holanda ($998 Milhões), a Índia ($628 Milhões), Bélgica-Luxemburgo ($404 Milhões) e a Itália ($400 Milhões). As origens de importação de topo são a África do Sul ($2,37 Bilhões), a China ($1,05 Bilhões), a Holanda ($554 Milhões), a Índia ($465 Milhões) e Portugal ($447 Milhões). (OEA, 2016)

Os principais produtos exportados são: alumínio, eletricidade, carvão, coque (combustível derivado de carvão betuminoso), petróleo, tabaco e madeira, camarões, algodão, caju, açúcar e chá.

Apesar do nível alto das exportações, o país tem uma dívida externa alta, que foi reduzida pelo perdão feito pelo FMI (Fundo Monetário Internacional) em 2013. Mais da metade da população permanece abaixo da linha da pobreza

Atualmente o Conselho de Administração do Grupo Banco Mundial (GBM) aprovou uma nova estratégia para Moçambique para os anos fiscais 2017-2021. Com os objetivos de: promover o crescimento diversificado, investir em capital humano e melhorar a sustentabilidade. O financiamento inicial para essa estratégia é de USD $ 1.7 bilhão.

Para saber mais:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s