ONU, Política Externa

China e a Relação com a ONU

Pryscila de Carvalho

A China é um dos membros  da Organização das Nações Unidas, criada no ano de 1945, onde  pertence de modo permanente ao Conselho de Segurança. Em outubro de 1949 o Partido Comunista Chinês tomou o controle do país e os membros e simpatizantes do Guomindang* abrigaram-se em Taiwan porém continuaram utilizando o nome  de República da China e representando o Estado chinês como um todo na ONU; enquanto o governo comunista adotou o nome de República Popular da China. Somente em 1971 a China conseguiu ocupar o lugar que pertencia a Taiwan e adotou a política de “apenas uma China**”, que ainda hoje vigora e impossibilita Taiwan de fazer parte da ONU.

Quando o tema é a Reforma do Conselho de Segurança e a inserção de uma sexta vaga como membro permanente, o discurso da China é de que apóia a inclusão de uma nova vaga, até mesmo porque a criação dessa vaga é o desejo de seus parceiros do BRICS, porém em outras ocasiões o país chinês utilizou o seu poder de veto para a reforma, alegando que não saberia ao certo para qual Estado a vaga seria destinada; e que o Estado a ocupar a vaga poderia ser o Japão, ao que a China se opõem veementemente.

Desde o final de 1980, o país mostra-se engajado nas missões de paz da ONU;até o ano de 2007 havia enviado 6000 militares para participação, sendo na época o país com maior contribuição entre os membros do CS. Recentemente, em maio deste ano, chegou ao fim a missão de manutenção de paz das forças armadas chinesas na Libéria, que ativa desde 2003; entre outras coisas a missão executou tarefas como construções de estradas, pontes e renovação de moradias.

Atualmente seu ato mais comentado no âmbito ONU foi a aprovação de sanções contra a Coréia do Norte em junho de 2017, mesmo sendo considerado um aliado próximo de  Pyongyang.

*Partido Nacionalista Chinês.

**A política de apenas uma China não reconhece Taiwan como uma província independente, e toda negociação deve ser feita apenas com a República Popular da China.

Para saber  mais:

What is the one China policy:

China na ONU, Uma nova potência global:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s