Catalunha, Eleição, Exportação, G20, Igualdade, Mercosul, OCDE

Imbróglio Mercosul-UE, Catalunha, Eleições, Tratados Bilaterais e OCDE

João Galdino D. Rodrigues

Semana agitadíssima na política externa argentina. A começar pelas reuniões teoricamente mais simples, ambas ocorreram no último dia 6. Na primeira (Não exatamente uma reunião formal), A Agência de Inspeção de Alimentos do Canadá confirmou que a Argentina poderá exportar carnes, além das frutas que já exporta, sendo assim, a Argentina alcança 18 mercados novos, somente em 2017, para carnes. Se tratando na segunda reunião, O Japão e Argentina concluíram um tratado de investimentos com base na UNCTAD e na OCDE.

Falando de OCDE, o chanceler Faurie, foi convidado a participar de uma reunião em Paris, na sede da Organização. Segundo ele, é o início da construção de uma confiança, além disso, reiterou que, nesse ano, Buenos Aires será sede da XI Conferência Ministerial Mundial da OMC e, no ano que vem, a Argentina assume a presidência do G20. A reunião tinha como tema: Desenvolvimento Social e Institucional, Migração e Desenvolvimento; Igualdade do Género e Empoderamento das mulheres. A Argentina, aponta a importância com os países em desenvolvimento.

Chanceler Faurie na Reunião de Alto Nível da OCDE

Um tema de discussão durante essa semana foi o referendo realizado na Catalunha para sua independência e autonomia. Esse tema foi tratado aqui, algumas semanas atrás quando, tanto os Argentinos que vivem na Catalunha, como os que estão em seu país, estavam divididos quanto a escolha da separação, porém, a maioria absoluta era a favor da democracia, isso é, da votação, e de um canal de diálogo. Pois bem, após a violência exercida pelo governo espanhol, a o governo da Argentina disse: “O governo argentino faz um chamado para intensificar o diálogo e para a convivência pacífica e prosperidade compartilhada do povo espanhol, no âmbito da legalidade constitucional da Espanha.”. Sendo assim, a Argentina pede diálogo e respeito às leis, não deixa claro sua posição sobre a independência, pois, um diálogo pode resultar numa separação ou não, entretanto, as leis espanholas consideram o referendo ilegal.

O ponto alto da semana foi “por água abaixo”, já que, o Mercosul rejeitou (de novo) as cotas de importação de etanol e carnes oferecidas pelo bloco europeu. A estimativa de que se chegasse a um acordo final até dezembro, volta a ser adiada, e mesmo com a “maioridade” das negociações, voltamos a estaca zero. Aparentemente, existe uma queda de braço entre Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai, de um lado, e França, Bélgica e Irlanda, de outro. Os primeiros, querendo concluir a negociação o mais rápido possível, os outros, querendo protelar. Esperemos as cenas do próximo capítulo dessa novela sem fim.

Por fim, o clima interno na Argentina está esquentando cada vez mais. Nos aproximando das eleições legislativas (22 de Outubro), o candidato de Macri (Bullrich) avança e se distancia de Cristina Kirchner. Não há um espectro político de extrema-direita, na Argentina (Pelo menos, não com força suficiente), porém, a direita ganha força com Macri e Bullrich, e a esquerda perde força com a derrota de Kirchner, por exemplo. Esse é um cenário que ganha força na América, com as eleições de Macri, Trump com os candidatos que se apresentam no Brasil, entretanto, ainda não se aproxima do nacional-extremismo presentes nas últimas eleições europeias. De fato, a Alemanha passou por uma situação parecida à Argentina, os partidos da esquerda ou centro-esquerda se dividiram e a direita encontrou oportunidade de se encaixar nesse buraco. Na Argentina, a direita ainda não tem essa força, porém, é interessante ficar ligado para não deixar que isso ocorra drasticamente.

Para saber mais sobre a Negociação entre Mercosul e União Europeia:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s