Acordos, APEC, G20, Protocolo Diplomático, Relações Exteriores

Revelada razão pela qual Putin e Trump não tiveram encontro oficial na cúpula da APEC

Kawany França Leite

Na cúpula da APEC (Cooperação Econômica Ásia-Pacífico) no Vietnã, os presidentes da Rússia e dos Estados Unidos não efetuaram, como era esperado, um encontro bilateral oficial.

“Quanto ao encontro com Putin, ele nunca chegou a ser confirmado, e pode não se realizar por causa de uma divergência de agendas de ambas as partes”, disse a secretária de imprensa da Casa Branca, Sarah Sanders aos jornalistas antes de aterrissar em Da Nang, Vietnã. 

Sanders continuou: “Agora, eles estarão no mesmo lugar. Será que eles se encontrarão e dirão bom dia? É muito provável e possível. Mas, em termos da agenda, encontros formais, o encontro não está marcado e não prevemos que haja um”.

Secretária de Impressa da Casa Branca Sarah Sanders

Antes, o presidente dos EUA, Donald Trump,  expressou em duas ocasiões o seu desejo de se encontrar com o presidente russo para discutir os problemas da Coreia do Norte, Síria e Ucrânia. De acordo com o protocolo diplomático, se um encontro se realiza no “território” de um país, então, no próximo encontro, a delegação deve fazer uma visita ao “território” da outra parte, explicou Sanders

Não conseguimos chegar a acordo quanto à reunião. Por um lado, por razões de protocolo: o último encontro em Hamburgo decorreu no ‘território’ dos EUA. Por outro lado, houve certos obstáculos diplomáticos”, informou a secretaria de imprensa norte americana

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse que o fato de não ter havido uma reunião bilateral oficial entre Putin e Trump foi compensado por múltiplos contatos à margem do evento. Por enquanto, os presidentes dos dois países tiveram só um encontro oficial, em julho deste ano, nas margens da cúpula do G20, na cidade alemã de Hamburgo.

Diplomata Dmitry Peskov

Putin e Trump realizaram o seu primeiro e muito esperado encontro oficial nas margens da cúpula do G20 em Hamburgo em 7 de julho deste ano, tendo falado mais de duas horas, em vez da meia hora prevista. A agenda das negociações incluiu a crise na Síria e Ucrânia, a luta contra o terrorismo, bem como as formas de lidar com as ameaças informáticas.

Para saber mais:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s